Diabetes: como manter o controle sem sofrimento no final do ano

Cliente: 
Postado em 22/12/2010

Festas, comemorações e confraternizações marcam o fim do ano. Um momento para repensar a vida e as atitudes, reunirem-se com a família em torno de uma mesa farta de guloseimas irresistíveis. Talvez essa seja uma das épocas mais difíceis do ano para os diabéticos que devem manter diariamente os índices glicêmicos sob controle.

Para esclarecer as principais dúvidas sobre isso, o portal Glicemias Online (www.glicemiasonline.com.br), entrevistou uma nutricionista para tirar as principais dúvidas dos diabéticos durante a ceia.

De acordo com a nutricionista Mônica Forte os diabéticos podem usufruir as delícias da ceia sem tantas preocupações, mas com muita moderação. 

Os diabéticos podem consumir todos os alimentos da ceia, sem a necessidade alguma de se excluírem desse momento e muito menos de precisarem de pratos com preparo especial. “O importante é que o diabético tenha a consciência da moderação e do equilíbrio, pois as comidas dessa época são mais calóricas, gordurosas e com muito açúcar”, destaca a nutricionista.

A especialista alerta para as quantidades que devem ser pequenas. Para poderem comer um pouco de cada preparação o ideal é sempre iniciar o jantar com um bom prato de salada verde, pois ela tem grandes quantidades de fibras que ajudam a saciar o apetite e a manter ao paciente manter o controle.

No prato principal, é preciso escolher apenas um tipo de carboidrato (arroz ou farofa ou massa ou batata) e um tipo de carne. “Escolha aquele prato que mais te apetece, que é o mais diferente da sua rotina anual, tente evitar, é claro as frituras, como sobremesa, uma porção de frutas da época é o ideal”, explica Mônica.

Bebidas alcoólicas são permitidas com muita moderação. Segundo a nutricionista uma dose de álcool, desde que não se esteja em jejum não tem problema, mas a hidratação é essencial. (Ex. uma lata de cerveja para mulheres e 2 para homens).

Após a festa caso ocorram abusos, a alimentação deve ser bem leve, como pouca gordura animal, bastante salada, cereais integrais, ovo ou peixe, líquidos, de preferência água. É preciso ter cuidado com sucos de frutas, pois estes apresentam um alto teor de açúcar.