Especialista em transpessoal à disposição para entrevistas

Cliente: 
Postado em 15/04/2010

Vera Saldanha, presidente da Alubrat Brasil promove evento internacional sobre a Felicidade Autêntica em setembro: VII Congresso Transpessoal Internacional

A psicóloga Vera Saldanha é uma das maiores autoridades no Brasil sobre Psicologia Transpessoal. Doutora pela Unicamp, ela é presidente e fundadora da Alubrat – Associação Luso-Brasileira de Psicologia Transpessoal. A entidade organiza entre os dias 4 e 7 de setembro o VII Congresso Transpessoal Internacional.

A psicologia transpessoal se relaciona especialmente com o estudo empírico e a implementação das vastas descobertas emergentes das metanecessidades individuais e da espécie. O prefixo “trans” significa “mais além”, e o transpessoal busca através de práticas em estados que transcendem o ego integrar o transcendental, ou espiritual nas dimensões pessoais.

Trata-se de uma aborgadem terapêutica que evidencia um corpo teórico fundamental, constituído por cinco elementos: conceito de unidade, Ego, vida, estados de consciência e cartografias da consciência, que se articulam dinamicamente no eixo evolutivo e experiencial, demonstrados pela Abordagem Integrativa transpessoal.

Vera Saldanha teve o primeiro contato com a Transpessoal em 1978, em congressos internacionais organizados por Pierre Weil e Stanislav Groff. Ela sistematizou um método de aplicação da Transpessoal em clínicas, organizações e escolas no Brasil. Além disso, criou a primeira pós graduação em Psicologia Transpessoal no país e ministra palestras em todo o mundo sobre o assunto há mais de 20 anos. Além disso, Vera é autora do livro “Psicologia Transpessoal: Um Conhecimento Emergente de Consciência” (Editora Unijui).

A especialista defende também a busca pela felicidade autêntica. “A busca da felicidade é uma tônica constante na vida de todo ser humano.  Quase todas as nossas ações são permeadas pelo desejo de encontrar a felicidade, até mesmo aquelas voltadas para a espiritualidade”, afirma. “A felicidade autêntica é um estado do Ser, independe do ter, do fazer ou receber. É algo intrínseco a subjetividade genuína. Pode sim ser despertada, estimulada, fortalecida e até construída a partir da sua própria essência”.

Vera Saldanha completa usando um exemplo prático. “No âmbito da economia, atualmente já se cogita a reavaliação do conceito do PIB (Produto Interno Bruto) ou até sua mudança, incorporando o processo do FIB. Felicidade Interna Bruta é um indicador de progresso que inclui em sua abordagem aspectos sociais, culturais, ecológicos, psicológicos e espirituais. Um aspecto relevante do FIB é o seu pressuposto de que a autêntica evolução da sociedade humana só se dá quando o desenvolvimento material e espiritual ocorre lado a lado complementando e reforçando-se um ao outro”.

O VII Congresso Internacional Transpessoal, organizado pela Alubrat, irá acontecer entre os dias 4 e 7 de setembro, em Águas de Lindóia (SP), com nomes de peso confirmados para as palestras. O físico indiano Amit Goswami e o psicólogo e filósofo francês Jean-Yves Leloup confirmaram presença no evento. Além deles, o psicólogo e antropólogo brasileiro Roberto Crema será outra figura importante no Congresso, que também já garantiu a participação. 

Os três farão parte da programação do evento, que contará com workshops, palestras e muitos outros debatedores, que irão discutir a psicologia transpessoal nos dias atuais. Para mais informações ou inscrições, o site da Alubrat (www.alubrat.org.br) conta com toda agenda.

Mini currículo Vera Saldanha

• Presidente da Associação Luso-Brasileira de Transpessoal (Alubrat);

• Doutora em Psicologia Transpessoal (Unicamp);

• Autora do livro “Psicologia Transpessoal: Um Conhecimento Emergente de Consciência”, Editora Unijui;

• Autora do livro: “A Psicoterapia Transpessoal”, Editora Rosa dos Tempos – 2ª edição;

• Co-autora do livro: “Do Brincar ao Sonhar”, Editora Livro Pleno;

• Co-autora do livro: “Psicologia da Consciência”, Editora Lidel Portugal;

• Membro do Colégio Internacional dos Terapeutas – coordenado por Jean-Yves Leloup;

• Ministra cursos e conferências na área de Psicologia Transpessoal em diversos estados do Brasil e exterior desde 1985;

• Especialização em Psicopatologia e Psicoterapia Adolescente (Unicamp);

• Terapeuta de alunos e profª. Supervisora (ditada) em Psicodrama – FEBRAP (Federação Brasileira de Psicodrama);

• Formada em Terapia de Reestruturação Vivencial Peres;

• Formação completa pelo Roger Trainee Institute;

• Formação completa com Morris Netherton (básico intermediário e avançado);

• Especialização em Neurociências;

• Formação em Psicodrama (ACPS);

• Professora Supervisora, Didata em Psicologia Transpessoal;

• Especialista em Educação e Clinica (CRP).

Sobre a Alubrat

A pré-concepção da Alubrat – Associação Luso-Brasileira de Psicologia Transpessoal (www.alubrat.org.br) foi a fundação da ITA (International Transpersonal Association) na década de 1970. A fundação da Alubrat aconteceu em 21 de outubro de 1995, com Vera Saldanha, Pierre Weil e Mário Simões. Um ano depois já era realizado o primeiro Congresso Internacional em conjunto com a Unipaz e a presença de 2 mil participantes. Em 1998, teve início em Portugal o curso de Pós-Graduação em Transpessoal na Universidade de Lisboa. Desde então os eventos têm crescido, assim como os cursos e o número de alunos. Hoje, a Alubrat já está dando seus primeiros frutos e saudando a todos os participantes do movimento Transpessoal no Brasil e Exterior.